HOME*Seja Bem Vindo(a), Boa Tarde!
Hoje é Domingo, 18 de Abril de 2021 *
Criadouro Kakapo

CUIDANDO DOS PÉS DE SEUS CANÁRIOS  


Antonio Carlos Camargo
Médico Pediatra Presidente da UCCI
Revista O Canarinho Ano 2 edição 1 2008
Editado 21/04/2010

Há 15 anos criando canários, venho observando e dando cada vez mais importância para certas patologias que ocorrem nas "patas" dessas aves.
Considero as "patas" dos canários um dos segmentos mais sensíveis e vulneráveis, por estarem sempre expostos a riscos, desde seu desenvolvimento no ninho, até a fase adulta.
Quantos "campeões" em potencial foram desclassificados em concursos por problemas nas patas, dedos e seus anexos.
Quem ainda não levou excelentes exemplares para concurso com esperança que os juízes não observassem um "defeitinho" nas patas, num dedo, numa unha ou uma patologia por mais leve que fosse e os "derrubassem da mesa"?
Pois é, desde que os filhotes nascem, já estão correndo risco de lesões nas patas; seja por enrolarem, pequenos fios do ninho nas patas, ou unhas, que quando não observado pelo criador, podem provocar necrose de parte envolvida (desde uma unha até amputação de toda a pata).
Temos ainda um problema muito sério na canaricultura que é o "canibalismo". São os pais que tem o "vício" da debicagem em seus filhotes, causando lesões em unhas, dedos ou até a pata toda, deixando seqüelas graves.
Por volta do 7° dia de vida vem o anilhamento dos filhotes, onde pode ocorrer vários traumas locais, desde uma simples escoriação a qual pode se tornar uma lesão grave, porque aí pode ser a porta de entrada de microorganismos patógenos como fungos e bactérias piogênicas. Pode ainda ocorrer fraturas ou luxações e dedos no ato de colocação da anilha.
Considero um dos momentos mais importantes no manuseio dos filhotes a hora da colocação da anilha. Esta deve ser colocada com técnica correta, na época certa, com calma, com assepsia, para não lesar o canário. Se, por acaso, ocorrer qualquer outro imprevisto, devemos lavar com água corrente e passar álcool à 70% ou qualquer outro anti-séptico e, logo em seguida usar "nebacetim pomada" no local.
Alguém já parou para pensar qual é a proporção do peso de uma anilha ou até duas, em relação ao peso de um canário? Ele vai carrega-la no pé para o resto de sua vida. Pois é, uma anilha pesa mais ou menos 0,07 gramas, enquanto que um canário de cor adulto pesa mais ou menos 20 gramas.
Fazendo uma anologia com o ser humano: imaginem você (70 Kg) com uma pulseira de mais ou menos 250 gramas, um pouco acima do seu tornozelo, o tempo todo, não tirando nem para tomar banho ...
Porque tudo isso? Porque essa anilha desliza o tempo todo no pé desse canário conforme ele se movimenta, causando assim um atrito, que muitas vezes chegam a lesar o local e ser mais uma porta de entrada para microorganismos patógenos. Pode ainda, pelo atrito no local da anilha, causar inflamações com dor, calor, rubor e edema local, deixando o canário impaciente; e, na tentativa de tirar essa anilha, com o ato de bicar, pode agravar a situação, causando uma infecção no local pelos mesmos mecanismos já citados.
Quem de nós criadores não viu, quando chegam as anilhas, muitas delas estão coladas e interligadas ainda umas às outras pela sequência da numeração, talvez pela tinta ou outra causa na fabricação das mesmas. Pois é, nessas junções de umas com as outra, muitas vezes sobram áreas "ásperas" e até cortantes (por menor que seja) para o pé do canário que é sensível, essa anilha com as bordas "ásperas" vai deslizar, aumentando o atrito local, causando assim escoriações que com o tempo podem se tornar lesões.
Voltando com a analogia com o ser humano, imaginem o quanto incomoda uma unha encravada, um espinho no pé, um calo num dedo, uma micose interdigital; o que dirá se for uma infecção no pé?
Ainda no ninho temos o problema de "filhote único" que pode deixá-lo com seqüelas em dedos e patas. Por isso é que deixamos ovos com "filhote único", para que ele possa ter apoio, evitando assim defeitos nas patas ou pernas.
Apesar de tudo isso que falamos das anilhas, infelizmente é um mal necessário, porque até agora é a única forma de identificar canários. Esperamos que com a evolução da tecnologia, apareça no futuro uma forma menos traumática para identificarmos nossos canários, que tanto nos fazem bem.
Algumas fêmeas, ainda na tentativa de fazer a limpeza de seu ninho, identificam a anilha no filhote como um corpo estranho e tentam expulsá-la, e por vezes, jogam o filhote junto para fora do ninho; e quando não observado pelo criador, o filhote fica sem anilha ou acaba morrendo na grade de fundo.
Logo após a sua saída do ninho, os filhotes podem sofrer traumas nas patas por quedas, porque ainda não tem habilidade nem equilíbrio suficiente para voar como adulto.
Alguns outros acidentes podem ocorrer ainda ao longo de sua vida como: enrroscar os dedos, as patas ou a anilha em grandes, portas, molas de portas ou acessórios de gaiolas ou de voadeiras, chegando a ocorrer lesões graves ou até amputações desse segmento ou de membros.
Quantos de nós criadores ou os tratadores, nos criadouros, por algum descuido ou a pressa do dia a dia, puxamos a grade das gaiolas ou voadeiras, na hora da limpeza e lesionamos patas de nossos canários. O mesmo ocorre também com divisórias de gaiolas e de voadeiras.
Temos também o problema de poleiros e grades de fundo das gaiolas e de voadeiras, os quais são grandes "vilões" que alojam microorganismos e transmitem através dos pés, várias doenças. por isso devemos trocar e lavar grades, pelo menos uma vez por semana e trocar e lavar poleiros pelo menos a cada dois meses, e usar substâncias anti-sépticas à base de amônia quaternária ou ainda cloro.
Com os canários adultos de nosso plantel, todo ano cortamos unhas quando necessário e temos que ter o máximo de cuidado e calma para não seccionar a veia que a irriga.
Ao manusearmos nossos canários, temos que fazer com muita técnica, calma e com cuidado, para não causarmos iatrogenia.

“A pressa é inimiga da perfeição”
 


 

Voltar Página dos Artigos

Voltar Página Menu Outros

Voltar Página Inicial

Este artigo foi vizualizado 5169 vezes! - Desde 01/05/2010.



Anuncie ....

Clique no logo Azul e anuncie aqui. 7 dias por semana 24 horas por dia.

Anuncie Aqui....
Sitio do Criadouro Kakapo


Software SISCOCAN ***....

Adquira já o seu

Anuncie ....
MC Agropecuaria....

ACPSSC....

width 140 pixels X height 70 pixels, saiba como anunciar aqui

ANUNCIE SEU CRIADOURO OU SUA EMPRESA AQUI
Software SISCOCAN ***....

Adquira já o seu



Clique na Estrela Acima e adicione o Site Criadouro Kakapo aos favoritos!.

Veja Aqui As Enquetes Encerradas


Voce usa Farinhada?
Farinhada Caseira
Farinhada Comercial
Votar
resultado parcial...


Qual Mutação Prefere
Acetinado
Cobalto
Eumo
Feo
Jaspe
Onix
Opal
Pastel
Topazio
Outras
Votar
resultado parcial...


De uma nota para o site
Nota 1
Nota 2
Nota 3
Nota 4
Nota 5
Nota 6
Nota 7
Nota 8
Nota 9
Nota 10
Votar
resultado parcial...

Como nos Encontrou?
Amigos (indicação)
Já conhecia o site
OutDoor
Por E-Mail
Publicidade do Criadouro
Revistas Ornitológicas
Site de Busca
Outros
Votar
resultado parcial...

Página Atualizada . 

Contadores Iniciado em
07 Jan 2011.
 


Firefox

GERAL
CANÁRIOS GERAL
CANÁRIO DE COR
CANÁRIO DE PORTE
CANÁRIO DE CANTO
LEGISLAÇÃO
PARTICIPE
INFORMAÇÃO
SERVIÇOS
IMAGEM E FOTOS
LITERATURA
LINKS
FAQ´S
FALE CONOSCO
DOWNLOAD
DIVERSOS